Tudoem Mogi das Cruzes
Tudoem Mogi das Cruzes Tudoem Mogi das Cruzes Tudoem Mogi das Cruzes Tudoem Mogi das Cruzes Tudoem Mogi das Cruzes Tudoem Mogi das Cruzes Tudoem Mogi das Cruzes Tudoem Mogi das Cruzes

Close
Fechar
Conheça as outras cidades onde o Tudoem esta presente
Tudoem Mogi das Cruzes

Implantação de programa estadual

Fonte:Prefeitura Municipal de Arujá
Tudoem Mogi das Cruzes
Tudoem Mogi das Cruzes

Prefeito solicita implantação de programa estadual

O prefeito José Luiz Monteiro solicitou a implantação do Programa Emergencial de Auxílio-Desemprego – Frente de Trabalho ao chefe de gabinete da Secretaria Estadual do Emprego e Relações do Trabalho (SERT), Pedro Nepomuceno Filho, nesta terça-feira (27/11). A iniciativa estadual garante qualificação e renda para cidadãos em situação de alta vulnerabilidade social.

    

Em reunião com a equipe da Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Arujá e o representante da SERT, o prefeito falou sobre o perfil socioeconômico do município, detalhou a demanda apresentada e recebeu do chefe de gabinete o compromisso de que “o município contará com o programa em breve”. 
    

“Essa é uma medida essencial para enfrentarmos a atual crise no mercado de trabalho porque, além de ajuda financeira, os participantes contam com capacitação profissional e são preparados para concorrer às vagas de emprego. A iniciativa é integralmente custeada pelo Estado, não gera custos para o município”, enfatizou José Luiz Monteiro.
    

Na oportunidade, o prefeito e os profissionais do Desenvolvimento Econômico pleitearam ainda a vinda do Time do Emprego para o município. O programa também é voltado a orientar e preparar o trabalhador na busca de oportunidades de trabalho. Os participantes formam um “time”, um grupo, para troca de experiências e procura conjunta por emprego ou ocupação.
Iniciativa
    

Gerenciada pela SERT, a Frente de Trabalho beneficia o cidadão desempregado e em situação de alta vulnerabilidade social. Durante os seis meses de programa, o participante presta serviços de interesse local (quatro dias por semana – 6h/dia) e frequenta cursos de qualificação profissional (um dia por semana). 
    

O bolsista da Frente de Trabalho permanece no programa por até nove meses, com jornada de atividades quatro dias por semana. No quinto dia, ele faz um curso de qualificação ou alfabetização. A participação não representa vínculo empregatício, já que tem caráter assistencial e de formação profissional.

Autor

Tudoem

Prefeitura de Arujá

Secretaria de Comunicação da Prefeitura de Arujá

pma.imprensa@aruja.sp.gov.br

admtudo*

Comentários

Voltar ao Topo