Tudoem Mogi das Cruzes
Tudoem Mogi das Cruzes Tudoem Mogi das Cruzes Tudoem Mogi das Cruzes Tudoem Mogi das Cruzes Tudoem Mogi das Cruzes Tudoem Mogi das Cruzes Tudoem Mogi das Cruzes Tudoem Mogi das Cruzes

Close
Fechar
Conheça as outras cidades onde o Tudoem esta presente
Tudoem Mogi das Cruzes

Políticas públicas de cultura

Fonte:Prefeitura de Arujá
Tudoem Mogi das Cruzes
Tudoem Mogi das Cruzes

Arujá define prioridades para as políticas públicas de cultura e elege novo conselho

 

A 3ª Conferência Municipal de Cultura resultou na aprovação de 14 propostas para as políticas públicas culturais de Arujá, sete delas destacadas como prioritárias para o município. A partir de agora, as pautas aprovadas nortearão as atividades do Conselho Municipal de Política Cultural (CMPC), eleito durante o evento realizado na Câmara de vereadores.

Divididos em eixos temáticos, com o intuito de contemplar as mais diversas áreas culturais, como a dança, música, artes plásticas, literatura, artes cênicas e gestão cultural, os participantes da Conferência elencaram as prioridades e, na sequência, votaram pela aprovação ou não de cada propositura.

O primeiro item aprovado, com 36 votos, é a criação de um centro cultural (ou fábrica de cultura municipal) estruturado, atendendo às necessidades de ampliação e desenvolvimento das atividades de cultura. Em seguida, estão as propostas de regulamentação imediata do Fundo Municipal de Cultura e a criação da Lei Municipal de Incentivo à Cultura.

Completam a lista de prioridades a ampliação do debate com o Legislativo por meio da criação da Comissão Permanente de Política Cultural; a adequação do Coreto, na Praça Benedito Ferreira, para apresentações artísticas; e a criação de duas unidades: a Escola Municipal Livre de Dança e a Escola Municipal Livre de Teatro, ambas com profissionais habilitados.

         Armando Bueno, eleito presidente do CMPC para o biênio 2016/2017, avalia que as propostas estão no âmbito coletivo: “Isso demonstra uma união dos grupos no sentido de ajudar a desenvolver a cultura local. Nosso primeiro passo será encaminhar as pautas tanto para o Executivo quanto para o Legislativo e começar a desenvolver ações para fortalecer essas prioridades”.

         Para o secretário de Cultura, Julio Taikan Yokoyama, o Julio do Kaikan, os itens aprovados vão de encontro às demandas já diagnosticadas pela Pasta: “São propostas que contemplam a Cultura como um todo e não um só segmento. Acredito que estamos no caminho certo e que o novo Conselho e a Secretaria, em conjunto, poderão deliberar questões importantes à cidade”.

Evento

A Conferência contou com a participação da diretora-executiva da Gaia Brasil e membro da Agência de Desenvolvimento Regional do Alto Tietê (ADRAT), Rose Meusburger. Ela falou sobre a importância social da Cultura e estimulou os participantes a buscarem nichos que podem ser explorados dentro do segmento cultural, por meio da economia criativa.

O evento também foi prestigiado pelo assessor de Cultura para Gêneros e Etnias na empresa ACGE, Cássio Rodrigo, e pelo presidente do Legislativo Municipal, o vereador Renato Bispo Caroba. “Nós estamos à disposição para colaborar e tentar fazer frente ao grande número de pessoas que realizam atividades culturais em nosso município”, pontuou.

 

Legendas:

01- Participantes da Conferência e membros do novo Conselho de Cultura

02- Secretário Julio do Kaikan e convidados Cássio Rodrigo e Rose Meusburger

03- Rose falou sobre economia criativa e a importância social da Cultura

04 - Divididos em eixos temáticos, participantes elencaram prioridades

 

 

 

PROPOSTAS APROVADAS NA 3ª CONFERÊNCIA MUNICIPAL DE CULTURA

Prioridades

Votos

Proposta

1ª Prioridade

36

 

Criação de Centro Cultural

(Fábrica de Cultura Municipal) estruturado

2ª Prioridade

29

 

Regulamentação imediata do Fundo Municipal de Cultura

3ª Prioridade

28

 

Criação da Lei Municipal de Incentivo à Cultura

4ª Prioridade

 

22

 

Ampliação do debate cultural com a Câmara, com a criação da Comissão Permanente de Política Cultural

5ª Prioridade

 

22

 

Adequação do Coreto, localizado na praça central, como

um espaço estruturado para apresentações artísticas

6ª Prioridade

 

18

 

Criação da Escola Municipal Livre de Dança,

com profissionais habilitados para a área

7ª Prioridade

 

15

 

Criação da Escola Municipal Livre de Teatro

com profissionais habilitados para a área

 

13

 

Ampliação da faixa etária de atendimento

das oficinas de teatro municipais

 

12

 

Aquisição de instrumentos musicais

para a banda municipal e orquestra

 

11

 

Criação de Mostra de Artes Visuais

 

10

 

Reforma e ampliação das atividades, espaço e

projetos existentes na Biblioteca Municipal

 

7

 

Reforma e ampliação das atividades das artes visuais

no município através de oficinas no Casarão das Artes

 

4

 

Aproximação dos colegiados artísticos do município ao departamento de comunicação do poder público local

 

4

Reforma e ampliação dos movimentos

literários no município

 

 

Autor

Tudoem

Prefeitura de Arujá

Secretaria de Comunicação da Prefeitura de Arujá

pma.imprensa@aruja.sp.gov.br

admtudo*

Comentários

Voltar ao Topo