Tudoem Mogi das Cruzes
Tudoem Mogi das Cruzes Tudoem Mogi das Cruzes Tudoem Mogi das Cruzes
Close
Fechar
Conheça as outras cidades onde o Tudoem esta presente
Tudoem Mogi das Cruzes

Atraímos o que mais tentamos evitar Por: Vera Ghimmel (Edição 27 - Março 2011)

Fonte:
Tudoem Mogi das Cruzes
Tudoem Mogi das Cruzes

Atraímos o que mais tentamos evitar
 
Estamos nessa vida para aprender, continuamente
E são raras as vezes que saímos do círculo vicioso dos acontecimentos, ou seja, todas as situações e todas as experiências por que passamos formam um abismo entre o que queremos, o que esperamos que aconteça e aquilo que verdadeiramente se manifesta na nossa vida.
O meio externo só reflete para nós aquilo que não queremos. Passamos a maior parte do nosso tempo nesse dilema, correndo atrás da felicidade, mas a realidade é uma só: esse mundo não pode fazer ninguém feliz. E por quê?
 
A nossa ação
Gastamos muito tempo resistindo àquilo que não queremos que aconteça ou que se repita e acabamos atraindo justamente o que mais tentamos evitar. Isso acontece porque não encaramos as situações como elas se apresentam no momento, assumindo responsabilidade por elas.
Não agimos e pensamos com calma, coerência, refletindo e perguntando ao nosso coração as respostas. Ficamos na negação e culpando as pessoas ou o meio externo pelos nossos fracassos. Em uma das passagens bíblicas, Pedro perguntou a Jesus: -”Qual é o pecado do mundo, aquele pelo qual se deve morrer?” Jesus respondeu: -”O pecado não existe; sois vós que o criam, quando, assim como no adultério, sois infiéis à vossa verdadeira natureza e agis conforme o hábito de vossa natureza corrupta. Por isso o dom da luz Crística foi colocado em vós e, por essa razão, Eu vim para vosso meio para restituir cada alma à sua verdadeira origem”.
 
O equilíbrio
Aqui, na matéria, somos infiéis à nossa própria natureza porque não percebemos que existe um ponto de equilíbrio sagrado entre a realidade física e espiritual da consciência. A ajuda que devemos pedir é que sejamos auxiliados a descobrir esse ponto de equilíbrio sutil que habita o coração e esse poder é gerado por duas forças complementares: a luz e a escuridão.
 
As forças
Elas criam toda a perfeição. Se continuarmos ignorantes com relação a essas duas forças atuantes em todos nós, iremos fracassar em manter o equilíbrio em nossos relacionamentos, criando desarmonia, deixando que todas as dores e angústias vividas pelo espírito se revelem no momento presente.
Corrompemos a divindade existente em nós (as duas forças) na maioria das vezes para agradar aos outros, para sermos aceitos, ou mesmo para evitar situações de sofrimento que não queremos mais. Olhamos para o outro da mesma maneira, criando expectativas, esquecendo que dentro dele, assim como em nós, existe luz e escuridão, provavelmente, também desequilibradas.
 
A felicidade
Todo ser humano que conseguir agir pautado na verdade que todos têm seu ponto de equilíbrio e que, independentemente das diferenças individuais, possuem um ponto de união comum a todos, sairá da expectativa de que alguém o faça feliz. Perceberá que todos podem ser felizes, se quiserem, agora.
Não estamos aqui para fazer coisas, ter idéias e, sim, para nos livrarmos delas. Libertarmo-nos de crenças E padrões equivocados sobre nós mesmos e sobre os outros. E ninguém poderá fazer isso em nosso lugar. Um dia aceitamos essas idéias e crenças e agora somos nós que temos que nos livrar delas.
Só podemos ser felizes agora. Se nos preocuparmos em sermos felizes amanhã, ou ficarmos chorando a infelicidade de ontem, esqueceremos de ser felizes agora. Isso é adquirir o domínio da mente e alcançar esse ponto de equilíbrio. E não espere ser valorizado por isso aqui nessa sociedade, pois todo aquele que alcança esse feito, que passa a ser fiel à sua natureza, torna-se um verdadeiro mestre.
 
O mestre
Nesse ponto esse ser jamais irá procurar posições de poder, nunca irá oferecer aos outros técnicas milagrosas de cura e nem lhe dirá o que deve ou não fazer. Ele procurará uma situação de anonimato e, simplesmente, irá encorajá-lo a assumir total responsabilidade pelo que lhe acontece.
Irá auxiliá-lo a assumir seu Cristo interior para ser feliz no AGORA, no momento presente.
Fonte:
 
STUM – www.somostodosum.com.br
VERA GHIMMEL (Rio de Janeiro / RJ)
Jornalista / Terapeuta / Numeróloga / Coach

Comentários

Voltar ao Topo